Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Coisas que eu [não te] disse

Tudo o que não consigo dizer, apenas escrever.

Coisas que eu [não te] disse

Tudo o que não consigo dizer, apenas escrever.

27.11.20

E de repente

Já nos trinta

V de Viver

nikhita-singhal-k8y9HrzonOQ-unsplash.jpg(Fotografia: @nikhita)

Trinta.

Trinta anos. 

Hoje completo o meu trigésimo aniversário. E não consigo deixar de pensar em como os mais velhos tinham razão quando diziam: "o tempo passa a correr". Assim como não consigo evitar lembrar-me que, há uns anos atrás, uma pessoa com trinta anos para mim já era velha!  Quando somos crianças achamos que o seremos para sempre. 

Mas não somos. Felizmente. A vida passa, o tempo corre e nós temos que seguir com ele. Ou tentando acompanha-lo. 

São trinta anos de lutas e desafios, como qualquer um de nós. Trinta anos vividos, não sei se da melhor forma que existe mas com certeza da melhor forma que consegui. 

Não consigo evitar pensar que não estou exatamente onde me imaginava com trinta anos. Não, não estou. 

Não conquistei tudo o que queria conquistar, não tenho tudo o que queria ter, nem tenho comigo todos aqueles que gostaria de ter. Mas sei, com toda a certeza, que fiz o melhor que pude com aquilo que tinha. 

Não fui a mais feliz, nem a mais saudável, nem a mais inteligente, nem a mais forte ou a mais conquistadora. Não fui a mais fit, a mais rica nem a mais bonita. Mas fui, disso tenho a certeza, eu mesma. 

Hoje posso, finalmente, dizer que me aceito. Que aceito a minha história, que aceito o meu corpo, que aceito a pessoa em que me tornei. Posso também dizer que me orgulho de ser quem sou. E, acredito, esta deve ser uma das mais notáveis conquistas de qualquer ser humano. 

Posso não estar onde queria, nem como queria, nem sequer com quem queria. Mas vivo com a certeza de que fiz o que pude para estar onde estou. Vivo com a certeza de que temos aquilo que achamos que merecemos, de que só nós nos podemos levar onde queremos e de que a nossa vida só depende de nós. 

Que a entrada nos famosos "intas" me traga sabedoria para lidar com a vida, com as pessoas e comigo mesma. Que eu seja sempre capaz de me levantar a cada queda porque, com certeza, elas continuarão a existir. Que tenha sempre a capacidade de sorrir, e de ver o lado positivo de cada situação. E que nunca deixe de sonhar. Enquanto houver sonho haverá vida e vontade de vive-la.

Parabéns para mim!

Pág. 1/9

Quem é a V?

O que perdeste está aqui

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Em destaque no SAPO Blogs
pub